Seguidores

20171202

NATAL

A caminho do Natal, eis mais uma peça pintada por mim.
Pintura acrílica sobre resina, enriquecida com leves toques de pátina dourada, e verniz mate acetinado.

20171125

DECOUPAGEM

Uma peça simples de vidro grosso branco, com um formato irregular, foi aqui trabalhado com papel de decoupagem zebra. E virou uma linda fruteira, não acham?

20171114

PINTURA EM RESINA






 Mais uma peça de resina,  de que gostei e que resolvi transformar. Depois de lixada e tirada todas as impurezas, dei uma base de artesanato e só depois pintei com tinta acrílica. Os acabamentos foram feitos com patina ouro velho, betume judaico, e finalmente verniz mate acetinado.
E pronto, ficou assim.  Gostam?

20171031

ULTIMA CEIA. PINTURA

No início, eu tinha uma peça totalmente branca que esqueci de fotografar, mas vocês sabem como são estas peças quando saem da fábrica. Então primeiro eu lixei-a toda com uma lixa fina para tirar uma ou outra imperfeição qe elas sempre trazem  Depois com um pincel retirei todo o pó e dei-lhe uma base branca de artesanato. Aqui já pintei rostos e mãos, mas ainda n~~ao barbas e cabelos. Entretanto comecei a pintar as roupas.

  Aqui já todos têm as vestes pintadas. Mas ainda tive imenso trabalho até atingir este...

resultado final. Que vos parece? Gostam?

20170929

RECICLAR

Na viragem do século ganhei de presente de uma amiga, um grande jarrão de barro pintado de azul escuro quase a beirar o preto. Passaram-se os anos e eu apesar de gostar do jarrão, cansei da pintura. Sem saber onde o pôr, mas sem querer deitá-lo fora, já que estimo a pessoa que mo ofereceu.
Então apliquei-lhe uma base de artesanato e pintei-o todo cor de marfim com tinta acrílica. Deixei secar e apliquei verniz mate em spray. Deixei secar mais uma vez e pintei-o todo com cor de laranja. Antes que a tinta secasse com um pincel de cerdas rijas e seco dei pinceladas várias para lhe dar um ar rústico. Desenhei as flores, tirando a tinta laranja com um pano, deixando o a base marfim à vista. Terminei com nova aplicação de verniz mate em Spray. O resultado é esse. Espero que gostem.

20170915

JARRA E CAIXA


CERÂMICA E MADEIRA PODEM FORMAR UM CONJUNTO? QUE ME DIZEM? A JARRA DE FEITIO INVULGAR,  É DE CERÂMICA E FOI PINTADA COM TINTA ACRÍLICA CRAQUELÊ.  A CAIXA DE MADEIRA, FOI PINTADA COM A MESMA TINTA. PARA LHE DAR UM AR MAIS ELEGANTE, APLIQUEI-LHE ESTANHO NA TAMPA.  GOSTAM?

20170719

MALA DE VERÃO EM TECIDO


Desta vez deu-me para fazer uma mala em tecido. Ficou gira não ficou?



Este blogue ficará em descanso durante as minhas férias.

20170713

RECICLANDO





No início eram umas calças velhas , prestes a serem desmanchadas a fim de aproveitar os bocados para limpeza dos pincéis. Depois encontrei numa gaveta um cachecol que me tinham oferecido há 3 ou 4 anos, mas que nunca usei, porque é peça que nunca uso. (Acho que só ficam bem a quem tem pescoço de cisne e não é o meu caso) Juntei as duas peças e a ideia nasceu. E com umas tesouradas e uns minutos na máquina de costura, ganhei uma mala nova.


Espero que gostem. E TENHAM UM BOA SEMANA.

20170628

PARABÉNS FILHO


E hoje é dia de aniversário do filhote que nasceu às 22 horas do dia 28 de Junho de 1980. Precisamente na noite de S. Pedro. E a propósito, quem é capaz de adivinhar o nome dele?

20170622

PINTURA SOBRE PORCELANA



GUARDA-JÓIAS

Vai precisar de um guarda-jóias em porcelana branca
lustrina nos tons que desejar
Álcool
algodão
Uma palhinha de refresco
diluente sintético
Um conta-gotas


Comece por limpar muito bem a peça com álcool. Em seguida com o conta-gotas coloque uma gota de lustrina, da cores desejadas sobre a peça em sítios alternados. Ponha uma gota de diluente no meio da peça. Com a palhinha sopre sobre a peça em vários sentidos. Vá soprando também o diluente , para se misturar coma lustrina. Deixe secar bem, e leve á mufla para queimar.
Para quem gosta de dourados, pode dar um traço nos pezinhos com ouro líquido. Tenha em atenção que o ouro líquido encarece bastante a peça.
E pronto, divirtam-se

20170529

FALSO VITRAL





Um vidro 20x30cm
tintas verniz para vitral
cerne preto
diluente para verniz vitral
um rolo de papel alumínio
cola transparente
fita adesiva


Escolha o desenho. Coloque a folha pelo lado de trás do vidro e prenda com a fita adesiva para o desenho não fugir.
Limpe muito bem o vidro com álcool. Com a bisnaga do cerne, contorne todo o desenho no vidro.
Com o pincel vá enchendo desenho conforme as cores. Se o verniz estiver muito grosso coloque
uma gota de diluente.
Nunca deixe o frasco do verniz aberto. tire a tinta estritamente necessária para ir pintando para um recipiente e tape o frasco. Quando estiver pronto deixe secar por uns dois dias.
Para finalizar, corte o papel de alumínio com uma margem maior do que o vidro. Amasse bem o alumínio e depois abra-o com cuidado para ficar aberto mas amassado. Cole o alumínio nos quatro cantos da parte de trás do vidro. E pronto, pode emoldurar.
Espero que gostem.

20170523

AGUARELA

Uma aguarela representando dois barcos idênticos.  Serão Gémeos?  Espero que gostem.

20170507

FELIZ DIA DA MÃE.


UMA ROSA DE GRATIDÃO , PARA TODAS AS MÃES QUE O SABEM SER.

20170413

PÁSCOA FELIZ

                  Para todos vós, uma Páscoa Feliz.

20170405

MAIS UM ANIVERSÁRIO.


Mais um aniversário, desta vez o níver do mais que tudo, grande apreciador deste jogo, por isso que fiz este bolo.

20170315

SEGURA LIVROS



Um ternurento par de segura livros. Pintura acrílica envelhecida com betume judaico

20170304

COM ALFINETES


UM COLAR FEITO COM ALFINETES DE COSTUREIRA.

20170208

AINDA A PRINCESA


Ainda para o aniversário da neta, mas este para ela levar para a escolinha.  Disse-me depois que os meninos tinham gostado muito, e que não sobrara nem uma migalha

20170204

A PRINCESA FAZ ANOS...

Hoje é dia de aniversário da netinha. 8 aninhos e uma paixão por patins, e pela Luna. O ano passado eram os microfones e a Violeta. Criança é volúvel mesmo. E aqui está o bolinho que esta avó babada, acaba de lhe fazer, para a festinha. Que vos parece?

20170126

PINTURA EM MARFINITE


Esta  é minha Pietá, a Nossa Senhora da Piedade. Meu marido é devoto de Nossa Senhora da Piedade. Filho de  mãe católica e pai não católico, ele não era batizado. Foi para a guerra colonial e quase morreu na Guiné, com uma violenta crise de paludismo. De tal modo que o mandaram para a Metrópole, pensando que era a única hipótese que tinha. Recuperado e como a sua profissão era militar, ele foi para Angola. Lá depois de uma emboscada pediu para se batizar. O capelão do acampamento o batizou, e ele escolheu para madrinha, Nossa Senhora da Piedade. Então quando fizemos 40 anos de casados, eu encomendei numa fábrica esta imagem. Claro que em bruto. Depois a lixei e pintei a meu gosto. E foi a minha prenda para ele.

20170114

A ÚLTIMA CEIA




Uma das últimas pinturas que fiz em marfinite.  Marfinite , chamava-se antigamente a uma liga de resina e pó de mármore, estireno e catalizador. Não sei se hoje tem outro nome. A peça foi comprada em bruto numa fábrica, e o meu trabalho foi o de lhe dar cor e expressão.Levou-me dez dias até ficar assim, mas penso que valeu o esforço. Espero que gostem

Bom fim de semana

20170105

PINTURA SOBRE BARRO

UMA PEÇA DE BARRO VERMELHO DAQUELAS QUE SE VENDEM NAS FEIRAS.
DEPOIS DE PINTADA E ENVELHECIDA FICOU ASSIM. GOSTAM?